Marina Silva anuncia programa para reduzir burocracia por meio da tecnologia

Candidata da Rede, Marina Silva, faz campanha em São Paulo

Candidata da Rede, Marina Silva, faz campanha em São Paulo

A candidata da Rede à Presidência da República, Marina Silva, fez campanha nesta terça-feira (25) na cidade de São Paulo e afirmou que, se for eleita, vai reduzir a burocracia por meio de uma plataforma digital integrada.

O único compromisso público de campanha da candidata foi uma sabatina na sede do Twitter, onde anunciou que pretende implementar o programa “Brasil Conectado”, uma plataforma digital com identificação civil nacional para acabar com a burocracia para os cidadãos e tornar o governo mais eficiente.

“Vamos criar uma base de dados para que as pessoas possam tirar seus documentos sem precisar recorrer à burocracia, para que as pessoas possam abrir seus negócios de forma mais rápida, para que a gente possa fiscalizar o governo, tanto nas suas ações quanto no uso dos recursos”, afirmou Marina.

Em participação no evento GovTech, primeiro evento reunindo presidenciáveis na capital paulista após definição dos candidatos, a candidata da Rede já havia compartilhado sua agenda de inovação e tecnologia para os próximos quatro anos, caso seja eleita.

Na ocasião, ela falou sobre a criação de identidade digital, integrada a diferentes serviços públicos, de segurança e saúde até o combate aos crimes ambientais. “Algo capaz de potencializar as ações, criando um sistema de alerta em enchentes, incêndios. Um celular pode mandar informação e isso torna mais ágil o socorro, evitando ou auxiliando no atendimento de catástrofes ambientais”, exemplificou.

No evento, Marina Silva também havia citado a possibilidade de tornar o governo mais transparente com o uso da tecnologia, como por exemplo a disponibilização de dados de desmatamento da Amazônia em tempo real para universidades e ONGs.

Powered by WPeMatico

Related posts